RPPN Chácara Edith

Educação Ambiental na RPPN

Fauna e Flora da RPPN

 

DESCRIÇÃO

O reconhecimento da Chácara Edith, antiga Fazenda Hoffmann, como RPPN data de 2001. Entretanto, o trabalho de preservação da natureza nas suas terras remonta à década de 1930, quando Willy Hoffmann, então ainda jovem, convenceu seu pai Heinrich, proprietário das terras, a abandonar a exploração de madeira e permitir a regeneração da mata nos locais devastados. Desde então, nenhuma outra atividade que envolvesse o comprometimento da biodiversidade foi permitida nesta área. O jovem Willy desde cedo demonstrou interesse pela proteção à natureza e acumulou diversas habilidades ligadas ao tema ambiental ao longo de sua vida. Atuou, por exemplo, como pesquisador, taxidermista, criador de animais silvestres e conservacionista. Foi um cientista amador, porém acompanhou importantes trabalhos científicos desenvolvidos na propriedade como a pesquisa de Raulino Reitz e Roberto Miguel Klein sobre bromélias e malária. Além destes, podemos citar outros naturalistas ilustres, que visitaram e desenvolveram estudos na propriedade, como Augusto Ruschi, Helmut Sick e Johan Dalgas Frisch. Já como taxidermista, manteve durante muitos anos em sua residência um museu de história natural, doado posteriormente ao Ginásio Cônsul Carlos Renaux.  E como criador manteve viveiros onde desenvolveu o manejo e a reprodução de aves nativas da Mata Atlântica. Seu esforço em defesa do ambiente foi reconhecido pela primeira vez em 5 de junho de 1982 pela Fundação de Amparo à Tecnologia e ao Meio Ambiente (FATMA) do estado de Santa Catarina que lhe concedeu o Troféu Fritz Muller.

As filhas de Willy (Ligia Moreli e Anete Hoffmann) e o genro (Wilson Moreli) dão continuidade aos trabalhos da RPPN Chacára Edith com o desenvolvimento da educação ambiental, pesquisa científica e preservação ambiental. Com isso, desde 2006 a reserva recebe o título de Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica pela UNESCO, confirmando todo o esforço e trabalho da família dedicados a este lugar tão especial.

A RPPN está disposta em 415,79 ha em uma área total de 509,32 hectares de propriedade.  Desta área total, aproximadamente, 95% são de Mata Atlântica,  esta com diferentes idades de regeneração, a maior parte com mais de 80 anos de preservação o que encanta por sua magnitude e beleza. O ótimo estado de preservação da floresta ombrófila densa na Reserva também permite a presença de diferentes espécies nativas, algumas delas raras como lontra, gato-maracajá, bugio, tamanduá-mirim, tatu-de-rabo-mole, gralha-azul, garça-moura, etc. Tudo isso, com o privilégio de estar localizada na área central de Brusque.

ATIVIDADES

Preservação ambiental;

Educação Ambiental;

Pesquisa científica.

VÍDEOS

 

 



Localização

Brusque

Área

415,89 ha

Criação

24/10/2001

Proprietário

Wilson Moreli, Ligia Moreli e Anete Hoffmann

Contato

Endereço: Rua Carlos Cervi 300 – Centro – Brusque - Caixa Postal 427
Telefone: (47) 3355-1462
E-mail:
rppn.chacaraedith@gmail.com
educacao.chacaraedith@gmail.com
w.moreli@terra.com.br

Mapa